Gladston Salles

O amor é o tudo no nada que somos

Textos

COMUNICADO DE NASCIMENTO


O título da crônica pode parecer estranho,mas tem fundamento.Desde longa data é costume nos condomínios residenciais afixar em local visível comunicado de falecimento de algum morador.O objetivo é tornar público o fato e evitar que o condômino diga que não foi avisado e que o síndico não cumpriu com o seu dever.O comunicado possibilita aos interessados prestar a devida condolência a família do falecido(a) e comparecer ao velório, caso queira para dar o chamado “último adeus”.Logo depois,no caso de família católica,vem o aviso do local e horário da missa de sétimo dia.Esse costume fortalece o vínculo social entre os moradores,sendo portanto uma medida acertada.Nessa ocasião todos são levados a refletir sobre a morte.E aqueles extremamente apegados a valores materiais são forçados a reconhecer (mesmo por alguns instantes) que “não somos nada".Mas o objetivo maior dessa crônica não é provocar discussão a respeito do que é a morte ou o que ela representa.Pelo contrário,quero apresentar uma sugestão que tem como finalidade celebrar a vida.Vou explicar:
 - Hoje após retornar do trabalho encontrei na portaria do prédio onde resido um comunicado de falecimento de um condômino.Até aí nada demais.Isso já aconteceu outras vezes...Só que hoje senti um “estalo”.O comunicado mexeu comigo de tal forma que resolvi escrever algo sobre a importância de celebrar a vida.Foi então que pensei na maravilha que é o fenômeno do nascimento.O ser humano ao nascer dá o sentido de continuidade da espécie.É um acontecimento marcante que nos deixa fascinado.Ao tomarmos conhecimento do nascimento de um novo ser sentimo-nos com maior responsabilidade e lembramos da importância de lutar de modo incessante por um mundo melhor.
O sorriso de recém-nascido é imensamente belo e tem uma ternura contagiante e deixa nosso coração repleto de paz.Por tudo que o nascimento simboliza de positivo e deslumbrante faço a seguinte indagação:
- Porque não afixar também nas portarias dos condomínios comunicado de nascimento?
Alguém pode alegar que já existe o chamado “chá de bebê”...Mas esse costume antecede o nascimento.É uma reunião para oferta de lembrancinhas e que reune parentes e amigas íntimas da futura mãe. 
O comunicado de nascimento também deve ter a mesma divulgação que o de falecimento.Por que não?..Seria muito interessante que isso viesse a acontecer em todos os condomínios residenciais.Fico imaginando amanhã encontrar na portaria do prédio o seguinte comunicado:
 - “Comunicamos o nascimento do menino Pedro, filho de João e Maria condôminos do apartamento 113,fato ocorrido na manhã de hoje na maternidade N.S.de Fátima.Os pais desde já agradecem os votos de boa sorte e orações de proteção para o recém-nascido.Com o pensamento elevado a Deus vamos celebrar a vida!”



 

Gladston Salles
Enviado por Gladston Salles em 26/09/2008
Alterado em 22/09/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link gladstonsalles.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras